Descobrir a oração de intercessão

Version imprimable PDF version Partager sur Twitter Partager sur Facebook

INTENÇÃO GERAL: Senhor, deste-nos Maria como Mãe e modelo para as nossas famílias. Ajuda-nos a fazer da nossa família um lugar onde reinem o amor, a paz e a alegria. Que cada um seja amável, gentil, atencioso, paciente. Onde cada um não veja senão o bem nos outros. Que os esposos permaneçam repletos de ternura um pelo outro. Que nos mantenhamos unidos, quer nas alegrias quer nas tristezas, graças ao poder da oração. Que a oração esteja no coração da nossa família. Que possamos ser profundamente contemplativos, intensamente eucarísticos, e vibrantes de alegria. 

Com o Papa Francisco: «que as famílias em dificuldades recebam o apoio necessário e que as crianças possam crescer num ambiente saudável e com serenidade.»

 

“Que eles rezem... por cada casal e, de modo especial, pelos que, em  particular, contam com eles”. 
Pe. Henri Caffarel.

Meditação pai Marcovits

A VOCAÇÃO DO AMOR

Para entender a conecção que o Padre Caffarel faz entre os dois sacramento do sacerdócio e do casamento, devemos olhar para o que diz o Catecismo da Igreja Católica.

"O Batismo, a Confirmação e a Eucaristia são os sacramentos da iniciação cristã. É o fundamento da vocação comum de todos os discípulos de Cristo – vocação à santidade e à missão de evangelizar o mundo. (:) Dois outros sacramentos, a Ordem e o Matrimonio, são ordenados para a salvação de outrem. Contribuem-se também para a salvação pessoal, é através do serviço aos outros que o fazem. Conferem uma missão particular na Igreja, e servem a edificação do povo de Deus. "(§ 1533).

Cada palavra traz seja qual for o nosso estado de vida,uma vocação comum: o amor, a caridade, visando a salvação dos outros, Isto é o que consiste precisamente a vocação universal à santidade. Quando o jovem rico busca a sua vocação particular para poder "herdar a vida eterna, "Jesus respondeu, apontando para a vocação comum a todos: "Você conhece os mandamentos.” (Mc 10, 17-22) Então Jesus vai mostrar o que é o seu próprio, ele irá convidá-lo a deixar tudo. A Ordem, o Matrimônio cada um tem uma maneira específica de viver a vocação comum, a do amor.

Como sacerdotes e casais devem exercer esta vocação para o amor? Os sacerdotes são para a Igreja como pastores, guias para encorajar, fortalecer os discípulos do Senhor, de modo que o Povo de Deus esteja pronto para evangelizar toda a humanidade. Igualmente, os casais no meio do mundo, manifestam o amor de Deus através de seu amor humano; eles são "o rosto sorridente da Igreja"que atraem para Deus, "Vejam como eles se amam."

Os sacerdotes e casais avançam no caminho para a santidade ", através do servir aos outros. "Assim, a missão dos sacerdotes e casais é em primeiro lugar e acima de tudo viver a própria vocação e "através dela ", eles descobrirão todos os serviços que poderão prestar aos outros. Assim se constrói a Igreja para a salvação de todos os homens. Existe talvez uma forma de se esclarecer tudo. Pessoalmente, dou como título a todos os retiros de sacerdotes que eu prego: "A alegria de dar vida", a vida de Cristo, vida encarnada em nossas vidas diárias, às vezes muito feliz, às vezes trágica. Dar a Deus! Magnífico!

Os casais complementam: dar a vida,humanamente dar vida aos filhos e dar-lhes a vida de Deus através da Igreja, aberta à vida humana e espiritual pela educação: Mas também dar vida a todos ao seu redor através do testemunho de seu amor. As viúvas e viúvos também podem dar a vida na esperança e na expectativa da vida eterna, através da ausência do cônjuge, mesmo sendo difícil mas que abre o coração para a eternidade do amor.

A responsabilidade da Intercessão é bem aquela do amor: que a vida seja dada em plenitude,que a vida seja recebida nos corações que sofrem para que tenham esperança.

Pe. Paul-Dominique Marcovits, o.p.
Conselheiro Espiritual dos Intercessores 

Ler a Carta aos Intercessores

2017: N°159 Julho 2017 - N°158 Abril 2017 - N°157 Janeiro 2017

2016: N°156 Outubro 2016 - N°155 Julho 2016N°154 Abril 2016 - N°153 Janeiro 2016 

2015: N°152 Outubro 2015N°151 Julho 2015 - N°150 Abril 2015

A intercessão não é uma especialidade, um estado místico particular.
É a experiência de todo cristão que participa da oração do Senhor.


Oração de comunhão, pelo Espírito, com a vontade do Pai, que quer que todos sejam salvos.
Oração atenta à salvação de todos, à cura de todas as feridas, tanto as mais escondidas e secretas, como as mais visíveis, no sopro do Espírito Santo.
Oferecimento da nossa vida, com Cristo, em favor dos irmãos e das irmãs, os mais próximos e os mais distantes. 

Oração dos intercessores

Deus, nosso Pai, vós nos enviastes vosso Filho amado, para a salvação do mundo.
Sentado agora à vossa direita, 

Ele não cessa de interceder por todos  os seus irmãos humanos. 
Movidos pelo Espírito Santo, queremos unir-nos à sua oração, para a salvação de  todos. 
Que sacerdotes e casais sejam fiéis a seus compromissos, a serviço da comunhão na Igreja, irradiando o amor que colocastes em seu coração. 
Que todos os vossos filhos, em todo o mundo, descubram a felicidade que nos dais e vivam com respeito e dignidade, na alegria e na paz. 
Deus, nosso Pai, por intercessão de Nossa Senhora e de todos os Santos concedei-nos a nós, que somos intercessores junto a vós, realizar nosso serviço de intercessão, por amor a vós e a todas as pessoas.

Amém. 

→ Download de oração.